os semi-deuses
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Palavras chave

Últimos assuntos
» casa de posseidon
Qua Jan 25, 2012 2:46 pm por Admin

» Casa de Zeus
Qua Jan 25, 2012 2:41 pm por Admin

» Chalé dos filhos de Perséfone.
Qua Jan 25, 2012 2:26 pm por Admin

» Chalé dos filhos de Hades
Qua Jan 25, 2012 2:23 pm por Admin

» Loja de Armas
Qui Nov 03, 2011 1:21 pm por Admin

» Refeitório
Qui Nov 03, 2011 1:15 pm por Admin

» Pedidos de missão
Qua Out 19, 2011 5:44 pm por Admin

» Tutorial Enfermaria
Qua Out 19, 2011 5:42 pm por Admin

» Livros e Pergaminhos
Qua Out 19, 2011 5:40 pm por Admin

Novembro 2018
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Calendário Calendário

Parceiros
Fórum grátis


Chalé dos filhos de Perséfone.

Ir em baixo

Chalé dos filhos de Perséfone.

Mensagem  Admin em Qua Jan 25, 2012 2:26 pm

O Chalé de Perséfone, denunciava o humor e as características da Deusa, negro com detalhes em vermelho, e fora dele, havia uma enorme quantidade de rosas negras, desde as mais inofensivas, até as mais ameaçadoras. A Porta era negra com um desenho típico, de uma rosa vermelha, um caminho florido levava até a porta, talvez aquele fosse o único local, exceto o Jardim de Perséfone, em que florescia no submundo. O Chalé tinha como marca duas estações, a que Perséfone estava presente no inferno junto ao seu marido, e aquela em que está junto de Seus pais no Olimpo. Quando a Deusa se encontra no Olimpo, as rosas negras que enfeitam a entrada de seu chalé mudam de tom de cor, tornando-se um vermelho vivido como sangue, e as mais diversas flores nascem, demonstrando a estação da Primavera na superfície e a personalidade da Deusa que, no Olimpo, é dócil e frágil.

Bem sabia sobre a chegada de meus filhos tais como os do meu marido ao submundo, afinal eles existiam, e como os demais Semi-Deuses, deveriam receber um treinamento intensivo para que pudessem defender a si mesmos, e se tornassem fortes o suficiente para quando seus prestes fossem necessários. O Chalé estava pronto, e a época exigia que eu permanecesse ali no submundo pois na superfície era inverno, época em que Despina, minha irmã se revelava destruindo tudo que eu e minha mãe tanto amávamos, a primavera e as flores. Por fim, decidi me dirigir até o chalé, e ao chegar ao mesmo assentei-me sobre uma cama que como todas as outras ali tinha uma escrivaninha bem ao lado, Debrucei-me sobre essas e lhes escrevi o seguinte bilhete, que ao ser aberto se dizimava em chamas e dava espaço a minha voz, que lhes dizia:

"Caros filhos e filhas, embora vocês não me conheçam senão pelos relatos, mitos e lendas eu vos tenho acompanhado sempre, acho que de certa forma sabiam que eu estava sempre junto a vocês,tentava sempre ajuda-los com respostas quando estavam confusos, ou até mesmo em situações difíceis onde procurei fiz o máximo que podia. Com certeza como Semi-Deuses a vida de vocês não foi fácil, e daqui para frente também não será, afinal morar no submundo não deve ter sido o que esperavam para a vida de vocês, espero que estejam prontos para embarcarem nessa aventura onde será cobrado o máximo de cada um de vocês. Bom, eu não sou tão má nem tão pouco boazinha, portanto se estiverem prestes a morrer não contem com uma intercessão minha. Ajam por si mesmos. Sejam bem vindos ao submundo crianças. "

Uma breve gargalhada iria ressoar no fim do Bilhete como determinado por mim, assim que terminei de escrever levantei e caminhei em direção a porta, quando já estava diante dela desapareci deixando o chalé.

Admin
Admin

Mensagens : 130
Data de inscrição : 16/09/2011

Ver perfil do usuário http://semi.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum